Seu browser não suporta JavaScript!

19/07/2004 | Jornal Povo

A união faz a força nas urnas

O prefeito Cesar Maia, reuniu-se ontem, pela manhã, com o ex-ministro e candidato à prefeitura de São Paulo, José Serra no Palácio da Cidade. O assunto: a possível criação de uma ponte aérea político-administrativa entre as duas maiores metrópoles do Brasil.

Os candidatos discutiram programas de governo e convênios que podem gerar uma integração inédita entre Rio e São Paulo.

´Se a população nos escolher para comandar as duas cidades, seremos capazes de enfrentar problemas semelhantes. Seria um intercâmbio estreito para lidar com questões financeiras e sociais e também nas áreas de transporte, educação, saúde e saneamento. Os lados positivos de cada cidade podem ser adaptados na outra´, disse Serra, dando como um exemplo um projeto de Cesar Maia: ´ O programa de distribuição de medicamentos por correio que existe no Rio é muito interessante. Eu acompanhei o nascimento dele, quando ainda estava no Ministério da Saúde. Seria uma boa idéia aplicar essa experiência em São Paulo, que tem um problema crítico de distribuição de remédios´.

Cesar Maia comentou a possibilidade de intercâmbio entre Rio e São Paulo: ´A capital paulista tem uma base industrial muito forte e o Rio é uma cidade de serviços´, explicou o candidato que sugeriu um contato mais estreito entre secretários municipais: ´Poderia haver uma rotina entre o secretário da mesma área, como um almoço mensal, por exemplo´.

O candidato tucano não economizou elogios ao prefeito do Rio. ´Cesar Maia é muito criativo e estamos sempre trocando dicas´, revelou Serra.

Estiveram presentes no encontro os presidentes dos diretórios regionais do PFL e do PSDB, o deputado federal Rodrigo Maia, o ex-governador do Rio MArcello Alencar, e os respectivos presidentes dos diretórios municipais, Otavio Leite e João Pedro Figueira.