Seu browser não suporta JavaScript!

11/08/2013 | Aécio Neves 45

Aécio cobra investigação sobre esquema de propina de doleiro

O candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, cobrou, neste domingo (10/08), apuração de denúncia trazida pela revista Veja sobre um esquema de propina montado pelo doleiro Alberto Youssef.

Aécio afirmou que o caso gera perplexidade e que o Brasil não pode ser mais o país da impunidade. “Vamos aguardar que as investigações ocorram e que, se as denúncias forem comprovadas, haja punição exemplar”, disse o candidato.

Reportagem da revista Veja publicada neste fim de semana mostra que a ex-contadora do doleiro Alberto Youssef, Meire Bonfim da Silva Poza, afirmou à Polícia Federal que Youssef transportava malas de dinheiro em esquema de lavagem utilizado por políticos do PT e aliados do governo.

Ao se referir ao uso de computadores do Palácio do Planalto para alterar biografias de jornalistas, Aécio lamentou que setores do PT tenham uma visão patrimonialista do Estado brasileiro.

“Acabam ultrapassando todos os limites e começam a querer ser donos da biografia de todo mundo. Ninguém foi mais vítima desses ataques covardes da internet do que eu. Eu tenho o couro duro e sei que sou portador de um projeto bom pro Brasil, é isso que me faz caminhar em frente”, disse Aécio Neves.