Seu browser não suporta JavaScript!

24/12/2003 | Jornal O Globo

Aprovada homenagem a Roberto Marinho na Alerj

A Assembléia Legislativa aprovou ontem uma homenagem ao presidente das Organizações Globo, jornalista Roberto Marinho, que morreu em agosto, aos 98 anos. Um projeto de lei do deputado André do PV cria o Dia Estadual da Cultura, a ser comemorado em 3 de dezembro, data de aniversário do jornalista.

Mas as comemorações não vão se restringir a um dia: durarão uma semana e incluirão a concessão da Medalha do Mérito Cultural Jornalista Roberto Marinho,a cada ano, a uma personalidade e uma entidade que tenham contribuído para a valorização da cultura no Estado do Rio.

- Ele foi um dos homens que mais influenciaram a cultura brasileira. O jornalista ajudou também na preservação do patrimônio histórico nacional, criando a Fundação Roberto Marinho.

Outra iniciativa exemplar foi o projeto Criança Esperança - disse André do PV.

A Alerj já havia homenageado o jornalista em 5 de novembro passado, ao aprovar, por unanimidade, um projeto de lei do deputado Otavio Leite (PMDB) que institui 2004 como o ano do centenário de Roberto Marinho. A proposta prevê um calendário de eventos culturais, educacionais e de desenvolvimento da comunicação.

No mesmo dia, o Tribunal de Contas da União homenageou Roberto Marinho e outra seis personalidades com o Grande Colar do Mérito do TCU.

O vice-presidente das Organizações Globo João Roberto Marinho representou a família e recebeu a comenda.