Seu browser não suporta JavaScript!

08/04/2016 | Ceri Newspaper

Brasília recebe Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa

Por Daniela Alves 

A Câmara dos Deputados do Brasil realizou nesta semana a VI Reunião da Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa(AP-CPLP). Estiveram presentes mais de 50 parlamentares de Angola, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, além dos brasileiros.

A programação oficial começou no dia 5 de abril e se estendeu até ontem, quinta-feira, 7 de abril, com o tema “Paz e Desenvolvimento na CPLP”. OCEIRI NEWSPAPER acompanhou presencialmente o Evento da AP-CPLP, apurando os assuntos debatidos.

AP-CPLP
Nas reuniões, foram abordados temas relacionados aos Desafios e Promoção da Saúde Pública no Âmbito da CPLP; ao Fortalecimento das ações de promoção da língua portuguesa com vista à sua adoção como língua oficial em fóruns internacionais, especialmente na União Interparlamentar e nas Nações Unidas; e à Flexibilidade Necessária à Livre Circulação de Pessoas na CPLP.

A deputada angolana Ruth Mendes destacou a necessidade de ser pensada uma forma de massificar na CPLP a vacina HVP para prevenção do câncer de colo do útero. Ela destaca que é uma medida muito importante, especialmente na África, onde se detecta alto índice de adolescentes grávidas, ou seja, que iniciam cedo a vida sexual.

Em resposta à Deputada angolana, o deputado brasileiro Otavio Leite (PSDB-RJ) ressaltou que, atualmente, no Brasil, o terceiro fator de morte por câncer é o HPV e, após um longo trabalho, a vacina contra HPV foi incorporada no país como política pública.

Foi ressaltado ainda o problema do custo de aquisição de medicamentos e vacinas e, por sua vez, o deputado Otavio Leite (PSDB-RJ) sugeriu a possibilidade de ser pensado no âmbito da CPLP uma licitação conjunta internacional, com o objetivo de baratear os custos de compra.

Na sessão de encerramento do dia 7 de abril ocorreram: a aprovação do plano de atividades para o período 2016/2018; a eleição do presidente daAP-CPLP e do primeiro e segundo secretários da Mesa para o período 2016/2018; e a criação do grupo de parlamentares para o Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional da CPLP.

Ao fim do encontro, o Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, assumiu a Presidência da AP-CPLP, já que, pelo sistema de rodízio, cabe ao Brasil ocupar o cargo no próximo biênio. Cunha substitui o Presidente da Assembleia Nacional de Angola, Fernando Piedade Dias dos Santos, e deverá ter assento na Conferência de Chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, onde apresentará ao Executivo o resultado da Assembleia realizada em Brasília.