Seu browser não suporta JavaScript!

27/04/2010 | Diário Tucano

Câmara lança comunidade virtual para discutir lan houses

Por Renata Guimarães

Em audiência pública realizada nesta terça-feira (27), a Comissão Especial dos Centros de Inclusão Digital lançou a comunidade virtual Lan House. Trata-se de um espaço dentro do portal da Câmara dos Deputados destinado a discutir a atuação e a regulamentação desses estabelecimentos. Relator do colegiado, o deputado Otavio Leite (RJ) destacou a importância da criação de um canal como esse, aberto à participação de grupos que tenham interesse no assunto.

“Quando abrimos um portal específico dentro do site da Câmara e tomamos a atitude pró-ativa de convidar os interessados a participar, estamos no caminho certo para produzir uma lei que seja legítima e sintonizada com as aspirações populares”, enfatizou Leite. De acordo com a presidência da comissão, mais de mil interessados já se cadastraram para participar da consulta pública. Trata-se do maior número de participantes nesse tipo de debate virtual na Casa.

Como participar do debate?

Para ter acesso à comunidade, basta entrar no portal www.edemocracia.camara.gov.br e fazer o cadastro. A comunidade está aberta para a participação de qualquer cidadão e também para donos de lan houses, ONGs, representantes do setor público que queiram fazer uso desse meio para discutir a regulamentação desses estabelecimentos. No espaço virtual, haverá diversos documentos (artigos, textos, vídeos, projetos de lei e outros), assim como fóruns e chats para debate do tema.

Bom começo

? No dia do lançamento da comunidade Lan House, mais de mil interessados já se cadastraram para participar da consulta pública aos projetos que tratam da regulamentação desses estabelecimentos.

O número

45% dos brasileiros que acessaram a internet em 2009 recorreram a lan houses, segundo pesquisa do Comitê Gestor da Internet no Brasil e do Núcleo de Informação e Comunicação do Ponto BR.

A frase

“Queremos organizar as lan houses, trazê-las para a formalidade. Além disso, adicionar alguns elementos importantes, como a expansão da atividade acadêmica por meio desses locais via parcerias com as escolas. As lan houses são um fenômeno econômico-social e precisamos fortalecê-las.” Deputado Otavio Leite (RJ)