Seu browser não suporta JavaScript!

30/07/2012 | Portal Terra

Candidatos criticam ausência de Paes em debate sobre a Copa

Por Paula Bianchi

Os candidatos à Prefeitura do Rio de Janeiro participaram nesta segunda-feira do segundo debate temático desde o início oficial da campanha eleitoral. A convite do Clube de Engenharia, eles trataram do tema "Copa, Olimpíadas e Eleições: qual é o legado social para a sua cidade?". Ausente, o atual prefeito e candidato à reeleição, Eduardo Paes (PMDB), foi criticado pelos adversários. Na semana passada, a ausência dele no debate sobre o lixo também gerou manifestações contrárias dos candidatos.

Para a candidata do PV, Aspásia Camargo, "é uma pena o candidato com a posição mais confortável nas pesquisas fugir do debate". O deputado estadual Marcelo Freixo (Psol), por sua vez, sugeriu que uma das metas de sustentabilidade da cidade seja "reduzir o grau de cinismo do atual prefeito". "Paes mostra que está preocupado com ele e não com a cidade", afirmou.

Na opinião do deputado federal Otavio Leite (PSDB), o prefeito demonstra que não quer campanha. "Ele quer uma nomeação automática, mas caminhamos a passos largos para o segundo turno". Filho do ex-prefeito Cesar Maia, o deputado federal Rodrigo Maia aproveitou para criticar a Rio 20, que descreveu como uma "grande vergonha", além da situação do transporte na cidade.

Paes, Cyro Garcia (PSTU) e Fernando Siqueira (PPL) não puderam participar do encontro e enviaram notas com a sua posição sobre o tema. Cada candidato teve oito minutos para expor suas ideias. Depois, todos assinaram três pactos se comprometendo com a transparência no poder público municipal, o incentivo ao esporte e a Plataforma Cidade Sustentáveis, projeto do Instituto Ethos.

Por meio de sua assessoria, Paes informou que só irá participar dos compromissos já programados com as redes de televisão aberta, devido à falta de "disponibilidade na agenda para atender a todos os pedidos" para debates, painéis e sabatinas que tem recebido.