Seu browser não suporta JavaScript!

05/10/2004 | Jornal do Brasil

Cesar Maia começa a escolher novo secretariado

Encontro no Planetário discutirá soluções para saúde e transporte

Cesar afirma que secretário de saúde continua no cargo. Prefeito precisa abrir espaço para o PSDB

Acabou a comemoração. Pelo menos, segundo o prefeito reeleito, Cesar Maia (PFL). Está marcada para hoje, no Planetário da Gávea, Zona Sul do Rio, a primeira reunião de Cesar com o seu secretariado após o resultado das eleições.

No encontro, o prefeito, que será acompanhado do vice-prefeito eleito, o deputado estadual Otavio Leite (PSDB), iniciará a discussão em busca de futuros programas para solucionar os problemas nas áreas de saúde e transportes.

O prefeito também começará a discutir com o PSDB a escolha de nomes para as secretarias.

Segundo Cesar Maia, entretanto, uma coisa já está definida: ele não afastará do cargo o atual secretário municipal de Saúde, Ronaldo Cezar Coelho. Foi na pasta da saúde que o prefeito sofreu os maiores ataques dos adversários durante a campanha eleitoral.

- Não troco o secretário de Saúde. Com poucas condições, ele garantiu o avanço em algumas áreas de saúde preventiva como os programas de saúde da família e de prevenção ao câncer. Só tenho elogios a ele e aos outros secretários - afirmou Cesar Maia.

O prefeito lembrou que terá o mês de outubro para escolher os nomes dos futuros integrantes do seu governo.

- O problema não está nas pessoas e todos têm feito o possível. Não pretendo mudar técnicas da secretaria. Vou fazer um ou outro ajuste pequeno por causa do PSDB. O ideal é que os mesmos secretários fossem mantidos - comentou Cesar Maia.

Ontem à tarde, os líderes tucanos no Rio, o ex-governador Marcello Alencar e os deputados estaduais Luiz Paulo Corrêa da Rocha e Otavio Leite, além do deputado federal Eduardo Paes avaliaram os resultados das eleições. Entre eles, a idéia é aguardar os próximos dias para discutir que nomes serão indicados ao prefeito eleito.

- Por enquanto, estamos contentes com a vitória da coligação (PFL-PSDB) no primeiro turno, além de termos passado a ter quatro vereadores na Câmara. Tínhamos dois. Estamos satisfeitos, depois conversaremos sobre isso - afirmou o vice-prefeito eleito, Otavio Leite.

Para Luiz Paulo Corrêa da Rocha, o prefeito Cesar Maia tem até janeiro para definir novos nomes para o secretariado.

- Não há pressa. Hoje (ontem) foi um dia de reflexão. Temos tempo de analisar nossos quadros para ver que nomes podem se encaixar no governo do prefeito - contou Luiz Paulo.

Cesar dormiu apenas quatro horas. Chegou à prefeitura no início da tarde, onde foi recebido por uma chuva de papel picado feita por servidores.

- Ouvi muito elogios e aplausos durante a campanha, mas também recebi vaias. A população sinalizou no processo eleitoral que o problema seria na saúde e nos transportes. Mas, o problema maior da cidade está na violência e no saneamento - analisou Cesar Maia.