Seu browser não suporta JavaScript!

22/02/2011 | Jornal Extra online

Colégio Pedro II não usa em salas de aula ar-condicionados comprados em 2010

Por Marcelo Dias

O Colégio Pedro II comprou 28 aparelhos de ar-condicionado no ano passado. Segundo o Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), a instituição os adquiriu em duas compras separadas por R$ 105.142. Dez deles custaram R$ 46.247, no dia 1º de setembro, e outros 18 saíram por R$ 58.895, em 29 de novembro. Antes, a direção da escola adquiriu 60 ventiladores de parede por R$ 5.752. A compra foi feita no dia 20 de maio e se destinava para a unidade São Cristóvão. Só que os estudantes não usufruem dessa regalia. Os equipamentos teriam sido instalados em setores administrativos.

A descoberta foi feita pelo deputado federal Otavio Leite (PSDB-RJ), que enviará um requerimento de informações ao Ministério da Educação para cobrar o que aconteceu com os aparelhos.

- A área prioritária numa unidade de ensino deve ser a saula de aula. É evidente que torna-se impossível ao aluno prestar atenção à aula, por melhor que seja o professor, quando a temperatura ambiente passa dos 40 graus - critica o parlamentar.