Seu browser não suporta JavaScript!

09/10/2007 | Plenário da Câmara

Contra a arrecadação concentrada pelo governo federal

O SR. OTAVIO LEITE (PSDB-RJ. Pela ordem. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, além das muito bem apresentadas ponderações do Deputado Antonio Carlos Mendes Thame, há algo mais que implica agravamento do problema.

A nossa carga tributária de dimensão amazônica - que chega perto de 40% em relação ao PIB - está absolutamente concentrada, imaginem os senhores, nas mãos do Governo Federal. Vivemos numa Federação, e Estados e Municípios não recebem nenhum benefício desse aumento da carga tributária. Ou seja, trata-se de mais uma concentração de poder, que deixará os Governos Estaduais e Municipais à míngua, de pires na mão. Quem paga esse pato? O povo trabalhador brasileiro.

Sr. Presidente, precisamos adiar esta votação.