Seu browser não suporta JavaScript!

18/08/2004 | Jornal do Commercio

Denise Frossard deixa o PSDB

A deputada federal e juíza aposentada Denise Frossard entregou na manhã de ontem à Justiça Eleitoral pedido de desligamento do PSDB, partido que chegou a anunciar sua candidatura à Prefeitura do Rio e com o qual estava estremecida por conta da negociação paralela com o PFL, que acabou resultando na chapa Cesar Maia-Otavio Leite.

A parlamentar explicou que sua saída do PSDB se deve em razão de a legislação eleitoral proibir que o filiado de um partido participe intensamente da campanha de outro candidato ou coligação.

- Deixo o PSDB, mas não vou, neste momento, buscar abrigo partidário porque minha prioridade será cuidar da campanha do deputado André Corrêa (PPS) para a Prefeitura do Rio e levar os eleitores a uma reflexão sobre o que foram os últimos dez anos na relação entre a Prefeitura e as nossas expectativas de segurança pública - esclareceu a deputada, que formalizou o apoio a André Corrêa no mês passado, durante lançamento do programa do candidato para a segurança pública. O gesto rendeu à deputada críticas do presidente regional do PSDB, Marcello Alencar.

A ex-tucana e o ex-presidente nacional de Segurança Pública, Luiz Eduardo Soares, estão à frente do programa de segurança do candidato. Em nota ao PSDB, Frossard justifica o apoio a Corrêa.