Seu browser não suporta JavaScript!

24/04/2009 | Agência Câmara

Deputados pedem investigação de uso de suas cotas de passagens

Cinco parlamentares apresentaram à Mesa Diretora da Câmara solicitação para que seja investigado o uso indevido de suas cotas de passagens. João Carlos Bacelar (PR-BA), Nazareno Fonteles (PT-PI), Nelson Marquezelli (PTB-SP), Otavio Leite (PSDB-RJ) e Vieira da Cunha (PDT-RS) desconfiam que parte de suas cotas esteja sendo desviada.

A Câmara já instalou uma comissão de sindicância, formada por três funcionários, que tem prazo de 60 dias para investigar se há um esquema de desvio de passagens para agências de turismo.

O deputado Vieira da Cunha afirmou que apresentou seu pedido no dia 20, assim que viu a lista de pessoas que teriam utilizado passagens de sua cota. "Eram pessoas que eu sequer conheço e não autorizei aquelas viagens", disse. Já o deputado Otavio Leite explicou que fez o pedido porque encontrou na lista viagens que não realizou. Ele afirmou que tem certeza de que não utilizou as passagens.

Vieira da Cunha informou que na segunda-feira (27) vai ao Ministério Público Federal, que também investiga o provável esquema de desvio de passagens. "É fundamental que essa quadrilha seja identificada e punida e que ressarça aos cofres públicos todo o dinheiro que foi desviado", afirmou. Ele ressaltou que, até que sejam concluídas as investigações, afastou o funcionário de seu gabinete responsável pela administração da cota de passagens.