Seu browser não suporta JavaScript!

24/11/2013 | Jornal O Dia

Dinheiro que demora a sair

Levantamento do deputado Otavio Leite (PSDB) mostra que o governo não tem demonstrado pressa para liberar dinheiro do Programa de Gestão de Riscos e Respostas a Desastres, destinados a municípios com áreas de risco. Até o último dia 18, 64% dos recursos haviam sido reservados, mas a taxa de execução era 37,7%. O histórico não é nada animador: até o ano passado, a taxa empacou em 35,7%. Cidades fluminenses ficaram apenas com 5,1% da grana liberada. O estado sofreu muito com enchentes em 2011.