Seu browser não suporta JavaScript!

30/03/2015 | Jornal Lance!

Fla defende Otavio Leite como relator da MP que refinancia dívida dos clubes

O Flamengo defende a indicação de Otavio Leite (PSDB-RJ), que tem vasto conhecimento do assunto pelo trabalho realizado no Congresso durante as discussões da Lei de Responsabilidade Fiscal do Esporte. O presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello promete fazer chegar ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha, o desejo do rubro-negro. O jornal "O Globo" informou que o deputado Jovair Arantes (PTB-GO) será o relator da MP do refinanciamento das dívidas no Congresso. 

Bandeira de Mello está afinado com os termos da MP enviada ao Congresso pela presidente Dilma Rousseff. Como mostrou no discurso que fez na solenidade de lançamento da medida, em Brasília. O Flamengo, segundo o presidente, já pratica boa parte das exigências de governança impostas pela MP. "O mais rapidamente possível vamos incluir no Estatuto do Clube também a punição nos termos da nova lei aos dirigentes que incorrerem em gestão temerária", afirma o mandatário.

A adesão do Flamengo ao Profut é considerada certa. Pelos cálculos do colunista do LANCE!BIZZ Amir Somoggi, publicados sexta-feira no LANCE!, a parcela inicial do clube seria de R$ 1.364.440, comprometendo 6% da receita bruta mensal, nos termos previstos na MP. A estimativa do colunista é que ao final dos 36 meses iniciais de consolidação do programa de refinanciamento do governo, o clube tenha quitado, em condições bem mais favoráveis do que hoje, em torno de 20% de sua dívida com a União, estimada em pouco menos de R$ 380 milhões.