Seu browser não suporta JavaScript!

19/10/2009 | Diário Tucano

'Governos federal e do RJ tratam segurança com descaso'

Por Djan Moreno

O deputado Otavio Leite (RJ) criticou a atuação dos governos federal e estadual no combate à violência e ao crime organizado no Rio de Janeiro. Para o tucano, as mortes ocorridas no fim de semana são o resultado evidente da falta de atenção com a Segurança Pública e do descontrole da situação. "Está na hora de uma mudança de atitude das autoridades, que precisam sentar à mesa para unir forças e trabalhar com mais eficiência para mudar esse quadro", cobrou.

Crime fortalecido - A derrubada de um helicóptero da polícia por traficantes foi destaque no noticiário internacional duas semanas após a capital carioca ter sido escolhida para sediar as Olimpíadas de 2016. Para o tucano, isso mostra que o governo do estado está longe de alcançar o controle da segurança pública. "Também se fala em investimentos federais, mas o que se observa é cada vez mais o fortalecimento das atividades criminosas e a utilização de armamentos sofisticados”, apontou o tucano nesta segunda-feira (19).

Além do abatimento da aeronave, nos últimos três dias 10 ônibus foram queimados no Rio. “São episódios lamentáveis e preocupantes. Essa sofisticação dos armamentos na mão dos criminosos e a ausência de uma repressão maior ao crime mostra que a política de segurança deixa muito a desejar. Além disso, evidencia que os governos não têm cumprido com sua responsabilidade de oferecer segurança à população”, reiterou.

Para Otavio Leite, o governo federal participa de eventos cotidianos no Rio apenas para formar palanque eleitoral e sequer apresenta ações ou propostas para combater a criminalidade. “Com frequência o presidente e seus ministros tem vindo ao estado, mas apenas para participar de palanques festivos de inauguração parciais de obras do PAC que nunca acabam”, reprovou.