Seu browser não suporta JavaScript!

15/03/2013 | Portal do PSDB na Câmara

Indicação de mensaleiros para CCJ mostra que o PT largou de vez a ética

Brasília -A indicação de mensaleiros petistas – João Paulo Cunha ((PT-SP) e José Genoino (PT-SP) – para vagas de titulares da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara é uma demonstração clara de que o PT abandonou de vez o campo da ética, da transparência, da responsabilidade e do respeito à população brasileira. A crítica foi feita nesta sexta-feira (15) pelos deputados Nilson Leitão (MT) e Otavio Leite (RJ).

Apesar de condenados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no ano passado pelo escândalo no mensalão, os parlamentares foram indicados pelo PT para a principal comissão da Casa. Nilson Leitão critica o fato de o Partido dos Trabalhadores negar o maior escândalo de corrupção da história do país e agir como se nada tivesse acontecido.

“Demonstra que o discurso do PT mudou radicalmente. O poder fez o Partido dos Trabalhadores ter uma mudança de comportamento, confundir o que é ética e disciplina, política que pregava quando era oposição. O discurso serviu apenas para chegar ao poder”, reprovou o tucano.

Segundo o deputado, o julgamento mexeu com a sociedade e deu esperança de mais seriedade na política. “A atitude de indicar petistas envolvidos no mensalão é tentar esnobar da opinião pública, e, acima de tudo, do Congresso Nacional. Não é um partido que governa o Brasil, mas apenas a si próprio”, lamentou Leitão.

Otavio Leite, por sua vez, classificou de “cara de pau do PT” a indicação dos mensaleiros. Para ele, o comportamento é um abuso à consciência dos cidadãos. “Não estamos tratando de parlamentares que estão sendo processados. Estamos diante de parlamentares julgados e condenados. Todos sabemos que não há recurso capaz de alterar a decisão do Supremo”, lembrou.

Na visão do tucano, deveria ser aberto na Câmara o processo de cassação dos mandatos. “São parlamentares julgados e condenados, e a consequência estabelecida pela Constituição é a perda do mandato. Eles não deveriam estar indo para a CCJ, mas para a Comissão de Ética para a conclusão desse processo”, defendeu. “É um contrassenso. Mostra a ousadia do PT, que perdeu todos os parâmetros do que possa significar a palavra ética”, completou. O parlamentar considera lamentável o PT abusar da consciência de todos e afetar, inclusive, a credibilidade do Parlamento.

A indicação causou grande revolta entre a população. No Facebook, vários usuários demonstraram repúdio à indicação dos petistas. Seguem algumas frases escritas na rede social:

“País dos absurdos.” (Grazy Morrison)

“Perdeu a vergonha na cara mesmp.” (JR Rios Serra)

“Esse é o partido que governa o país.” (Marcus Vinícius Mynssen)

“Mais uma piada…até quando???” (Natalina Rech)

“Nada mais me espanta neste país governado pelo PT.” (Oliveira Elsa Peres Antunes)