Seu browser não suporta JavaScript!

17/09/2008 | Panrotas

Lula veta turismo como atividade exportadora

A Lei Geral do Turismo, que acaba de ser sancionada pelo presidente Lula, foi assinada com dois vetos: a emenda que classificava o turismo como atividade exportadora e possivelmente o artigo 27 que determina responsabilidade do agente de viagens com o consumidor. O Ministério do Turismo ainda não confirmou o veto deste último item, mas informações de bastidor dão como certa a retirada desse artigo da lei.

Os dois vetos deixaram indignados o deputado federal Otavio Leite, autor da emenda sobre a questão do turismo ser reconhecido como atividade exportadora, e o presidente da Abav, Carlos Alberto Amorim Ferreira.

Leite deixou a cerimônia no meio do discurso do presidente Lula. Segundo ele, o artigo era uma acordo entre partidos dentro da Câmara. "Colocaram água no chope do turismo", disse o deputado.

Já o presidente da Abav não entende o veto (se confirmado) para um artigo que foi proposto pelo próprio executivo.

Ambos os vetos terão de voltar à Câmara dos Deputados. Se aprovados pelo Plenário, viram lei, o que é muito difícil, haja visto o histórico da Câmara.