Seu browser não suporta JavaScript!

26/11/2004 | Jornal do Brasil

Macrofunções

Foi publicado no Diário Oficial do Município. Cesar Maia está dividindo sua prefeitura em quatro ´macrofunções´.

Cada uma abrangendo um naco de seu governo.

Editado especificamente para isso, o decreto de Cesar entra em vigor no dia 1º de janeiro de 2005...

E o que são essas misteriosas ´macrofunções´? Hildezinha explica. A primeira é a ´macrofunção´ de Políticas Sociais, que abrangerá as secretarias de Educação, Saúde, Assistência Social, das Culturas, Esporte e Lazer, Habitação, Terceira Idade, Prevenção à Dependência Química...

A segunda é a ´macrofunção´ de Desenvolvimento Urbano. Isto é: as secretarias de Urbanismo, Obras, Habilitação, Transportes e Comlurb.

Vamos à terceira, que é a ´macrofunção´ de Gestão. A saber: Gabinete do Prefeito, Administração, Fazenda, Procuradoria do Município, Controladoria Geral e Previ-Rio...

Todas essas três ´macrofunções´ acima serão coordenadas pelo prefeito, pois a Cesar o que é de Cesar. Já a parte que cabe ao PSDB neste latífúndio é a ´macrofunção´ de Desenvolvimento Sustentável. Isto é: o subprefeito Otavio Leite vai coordenar, na condição de ´co-prefeito´ (como já disse Cesar), as secretarias de Trabalho e Renda, Desenvolvimento Econômico ( que será ocupada pelo atual vice Marco Vales), Ciência e Tecnologia (cesar está definindo seu titular), Meio Ambiente (Ayrton Xerez prossegue), Turismo (Medina idem), Plano Estratégico (PFL e PSDB estão conversando internamente a respeito) e a novíssima secretaria do Deficiente Cidadão, nova secretaria...

O tucanato, assim, vê se materializar seu acordo político com o PFL no município. O PSDB participa do governo com três secretarias: de Saúde, com Ronaldo Cesar, que continua, de Trabalho e Renda, cujo titular será um nome do PSDB e a do Deficiente Cidadão, a mesma história...