Seu browser não suporta JavaScript!

29/12/2005 | Jornal Folha de São Paulo

Maia não quer entregar cargo a vice tucano

O prefeito do Rio, Cesar Maia (PFL), diz que não pode sair candidato à Presidência no próximo ano qua vem porque a cidade ficaria nas mãos do PSDB, partido de seu vice, Otavio Leite, que lhe tem feito oposição na Câmara Municipal. ´No momento em qeu o PSDB passou a fazer oposição, fiquei imobilizado na Prefeitura. Não poderia entregá-la a quem faz intensa oposição à execução do programa que nos elegeu´, explicou. O estopim dessa crise foi uma tentativa malsucedida por parte de vereadores tucanos de arquivar o Orçamento sexta-feira passada. (...)

Otavio Leite evita falar muito. ´É uma honra ser vice-prefeito do Rio pelo tempo que for necessário. Março será um mês de emoções dignas de Fla-Flu´.