Seu browser não suporta JavaScript!

22/09/2013 | Portal UOL

Molina diz ter mapeamento da coca Bolívia-Brasil

O senador boliviano Roger Pinto Molina, que fugiu para o Brasil, conseguiu visto temporário de 160 dias do Comitê Nacional para os Refugiados. Em reunião com o presidente da Comissão de Segurança Pública da Câmara, Otavio Leite (PSDB-RJ), avisou que tem mapeamento e relatórios que comprovariam que 60% da cocaína consumida no País vêm da Bolívia. Isso seria o principal motivo de perseguição do presidente Evo Morales. Molina, porém, descartou ida à Câmara por ora.