Seu browser não suporta JavaScript!

17/09/2012 | Portal UOL

No Rio, Leite entrevista usuária de crack em horário político

No Rio, Leite entrevista usuária de crack em horário político (...)

Por Hanrrikson de Andrade

Leite e sua equipe visitaram o bairro de Madureira, região que é constantemente mostrada na propaganda de TV do prefeito e candidato à reeleição, Eduardo Paes (PMDB) -- com foco na construção do Parque Madureira, que se tornou a terceira maior área verde da capital fluminense.

O tucano utilizou seu tempo de TV para criticar a política de combate ao crescimento do consumo do crack --especialistas consideram que o Rio vive uma "epidemia" em relação ao entorpecente -- executada pela gestão de Paes.

"Nós não somos um Rio [ironizando o slogan do candidato à reeleição]. Somos vários 'Rios'. Aqui, por exemplo, para este lado você vai para o Parque Madureira. Mas para este lado, debaixo do viaduto, você vai para o 'crack de Madureira'. São vários os pontos de crack na zona norte", afirma Leite.

"A minha cabeça só pensa em droga. Pego o dinheiro, é crack. Nada de dormir, só fica aí três dias, quatro dias. Tem pessoas que são bem piores. Que precisam de ajuda. De que adianta entrar no abrigo se tem droga? De que adianta entrar no abrigo se você não tem um trabalho? De que adianta entrar no abrigo se você não tiver um respeito? Nunca trabalhei de carteira assinada. Eu quero trabalhar para ser alguém na vida. Ser ao menos um cidadão, cabeça erguida, trabalhar. Eu quero ajudar a mim e ao próximo. Eu também sou cidadão, estou no meio da rua, sofrendo. Porque eu não tenho carinho, não tenho conforto, não tenho onde comer", relata a usuária de crack.

Para enfrentar o problema, Leite sugere "investir menos em propaganda" e melhorar a "estrutura pública" de atendimento aos usuários de crack, o que incluiria a construção de novos abrigos e mais leitos nos hospitais.(...)