Seu browser não suporta JavaScript!

29/06/2011 | Portal UOL

Oposição consegue aprovar requerimento para Palocci ir à Câmara

Por Camila Campanerut

Por votação simbólica, a Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (29) um requerimento de convite para o ex-ministro da Casa Civil Antonio Palocci comparecer à Casa.

O pedido aprovado foi feito pelo primeiro vice-líder do PSDB, o deputado federal Otavio Leite (RJ), para realizar uma audiência pública. “O ex-deputado Palocci apresentou a esta Casa um projeto que determina que biografias de homens públicos fossem públicas, sem qualquer censura. Pedimos para que ele venha colocar em prática o que ele idealizou”, afirmou Leite ao UOL Noticias.

A estratégia do parlamentar tucano foi reapresentar um projeto de 2008, de autoria de Palocci, para trazê-lo à Câmara. A ideia é pressionar Palocci a falar sobre o aumento de seu patrimônio em 20 vezes no período de quatro anos (2006 a 2010). A polêmica em torno do trabalho de consultoria do ex-ministro acabou por tirá-lo do cargo no começo deste mês.

“Curiosamente, por meio de uma ideia dele mesmo, Palocci poderá esclarecer à sociedade brasileira a própria biografia e as ‘páginas não reveladas’ dela e da atividade como consultor”, alegou Leite.

Por ser convite, o ex-ministro pode se negar a participar da audiência, que ainda não tem data marcada.

Além de Palocci, foram convidados para participar da audiência os professores Carlos Bastide Horbach, Judith Hofmeister Martins Costa, Tércio Sampaio Ferraz Junior, Virgílio Afonso da Silva e um representante da Aner (Associação Nacional dos Editores).