Seu browser não suporta JavaScript!

17/10/2011 | Jornal Lance! Net

Oposição quer convocar delatores do ministro do Esporte

O deputado federal Otavio Leite (PSDB-RJ) quer convidar a depor na Câmara, em Brasília, o policial militar João Dias Ferreira e Célio Soares Pereira, os dois delatores do suposto esquema de propina no Segundo Tempo, do Governo Federal. João Dias é militante do PCdoB e Célio era uma espécie de faz-tudo, de motorista a mensageiro, do grupo que controlava a arrecadação paralela do programa.

A dupla deu entrevista à revista “Veja” acusando o ministro do Esporte, Orlando Silva, de ser o chefe da ação, que chegou a desviar R$ 40 milhões nos últimos oito anos, dinheiro que deveria ser usado na educação esportiva de crianças e jovens carentes.

De acordo com o deputado, não basta apenas o ministro depor na Casa, o que vai acontecer nesta terça-feira, na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle.

– Queremos que os que acusam também estejam lá. Vou apresentar requerimento para que eles sejam chamados. Ninguém pode ser pré-julgado, mas as denúncias são graves e contundentes – disse Leite à equipe de reportagem do LANCE!NET. E continuou:

– Todos sabem que esse programa tem se prestado a interesses meramente políticos e partidários. O próprio TCU tem apurado uma série de irregularidades frequentemente. Onde há fumaça, há fogo.