Seu browser não suporta JavaScript!

01/06/2012 | Agência PSDB

Otavio Leite lamenta perda de posição do país no ranking mundial de competitividade

Brasília - Pelo segundo ano consecutivo o Brasil perde posições no ranking mundial de competitividade. Em 2011, o país já havia caído seis posições no índice do International Institute for Management Development (IMD). Agora, despencou mais duas posições. De um total de 59 países, o Brasil passou a ocupar o 46º lugar, abaixo do Peru, México, Chile e Índia.

Segundo o deputado federal Otavio Leite (PSDB-RJ) as obras do PAC não saem do papel e o governo caminha no sentido contrário àquele que poderia contribuir para a evolução.

“A notícia ruim já não surpreende. O país está cada vez mais paralisado. As obras do PAC, do governo Lula, de cada cinco, apenas uma está concluída. Para ganhar competitividade o preço/custo é o fortalecimento da atividade econômica. É lamentável, mas esse é um governo de faz de contas”, avaliou o deputado.