Seu browser não suporta JavaScript!

22/08/2011 | Blog da Bancada do PSDB na Câmara

Otavio Leite pede que PF acompanhe investigação da morte de juíza

O deputado Otavio Leite (RJ) solicitou à ministra Secretaria Nacional de Direitos Humanos, Maria do Rosário Nunes, e ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que monitorem e fiscalizem as investigações sobre o assassinato da juíza Patrícia Acioli, morta com 21 tiros em 12 de agosto, em Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro.

“O crime em questão, incontestavelmente, produziu grande impacto na sociedade carioca, tornando imprescindível a resolução deste homicídio para garantir a ordem social do Estado, notadamente para a manutenção da confiança dos seus cidadãos no Poder Judiciário e nas forças de segurança”, afirma o tucano.

Segundo ele, a participação da Polícia Federal na apuração é fundamental. “Não duvidamos da capacidade da Polícia Civil do Rio de Janeiro em elucidar o caso, mas a presença da Polícia Federal fortalece o objetivo de investigar”, acrescenta.

Nos últimos anos, cresceu o número de atentados contra integrantes do Judiciário, atos geralmente comandados por organizações criminosas. “As ameaças de atentados contra integrantes do Judiciário e outros órgãos públicos no Estado não se limitam à pessoa da juíza, o que revela a imprescindibilidade de se chegar aos criminosos no menor prazo de tempo.”