Seu browser não suporta JavaScript!

16/05/2011 | Jornal Panrotas online

Para Otavio Leite obras do Galeão (RJ) estão lentas

Por Rhaiane Sodré

Em visita às obras do Terminal 2 do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro realizada na última sexta-feira (13), o deputado federal Otavio Leite (PSDB-RJ) disse ter percebido pouco avanço nas melhorias.

"Da primeira fase, apenas o piso, sistema de incêncido e banheiros foram finalizados. Toda a parte da Tecnologia da Informação e implantação de guichês sequer foi licitada. O importante é que o Galeão funcione com qualidade independentemente da Copa e Olimpíada. A realização de 50% das obras não permite expansão do Rio em acolher mais voos", acredita Leite, destacando que o Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, está saturado, o que seria um bom momento para a capital fluminense.

Sobre a privatização dos aeroportos, o deputado é favorável. "Acho necessário manter uma administração pública (Polícia Federal, Receita Federal e Anac)", acrescenta. Uma próxima visita será realizada no final de junho.

Otavio Leite é o autor do requerimento aprovado na CTD para avaliação técnica da atual situação dos Terminais 1 e 2, sistema de pistas e demais áreas do Galeão, em razão das intervenções que estão sendo realizadas pelo Executivo Federal para adequação e modernização do empreendimento.

Na foto: Otavio Leite, deputado federal, Abibe Ferreira Júnior, diretor do Aeroporto Galeão, José Darcilio Junqueira, superintendente Sindrio, Rosele Pimentel, da Abav Rio