Seu browser não suporta JavaScript!

27/11/2013 | Portal UOL

PSDB aprova requerimento para ouvir Cardozo

A Comissão de Segurança e Combate ao Crime Organizado aprovou nesta quarta-feira (27) requerimento do PSDB para que o ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) preste esclarecimentos na Câmara. O tucanato deseja inquiri-lo sobre sua decisão de enviar à Polícia Federal “documento apócrifo” que acusa políticos do PSDB, DEM e PPS de envolvimento com o cartel suspeito de fraudar licitações de trens e metrô no Estado de São Paulo.

O requerimento foi apresentado pelo presidente da comissão, Otavio Leite (PSDB-RJ), e pelo líder da bancada tucana na Câmara, Carlos Sampaio (PSDB-SP). O pedido foi aprovado um dia depois de a cúpula tucana ter acusado o PT de adicionar documento fraudado ao inquérito da PF. A sessão para ouvir Cardozo foi marcada para a próxima quarta-feira (4).

O ministro será questionado também sobre as providências adotadas por sua pasta para tentar repatriar o petista Henrique Pizzolatto, o condenado do mensalão que fugiu para a Itália para não ser preso.