Seu browser não suporta JavaScript!

09/11/2010 | Portal Terra

PSDB pede auditoria do TCU no MEC e em contratos do Enem

Por Laryssa Borges

Após as falhas detectadas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no último fim de semana, o deputado Otavio Leite (PSDB-RJ) encaminhou nesta terça-feira ao Tribunal de Contas da União (TCU) pedido para a realização de uma auditoria no Ministério da Educação, no Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) e nos contratos que o governo federal firmou com empresas para a impressão dos cartões-respostas da prova.

A possível investigação do TCU inclui ainda uma verificação do controle dos recursos públicos aplicados na realização do teste a estudantes do Ensino Médio.

Por meio dos oposicionistas João Almeida (PSDB-BA) e Gustavo Fruet (PSDB-PR), o PSDB também protocolou nesta terça representação na Procuradoria-geral da República (PGR) para que o Ministério Público investigue os problemas detectados no Enem. "As responsabilidades deverão ser apuradas, com os devidos ressarcimentos aos cofres públicos (para coibir) as condutas praticadas em desfavor dos jovens candidatos do Enem", defenderam os parlamentares.

No primeiro dia de prova do Enem, no sábado, entre os erros os estudantes detectaram que o cabeçalho da folha para o gabarito das questões de ciências da natureza estava incorretamente identificado como ciências humanas, o que inviabilizava a marcação precisa das respostas no espaço destinado na prova.