Seu browser não suporta JavaScript!

24/11/2004 | PANROTAS

Rio cria nova estrutura de gestão para Turismo

O prefeito Cesar Maia editou o decreto nº 24852 (publicado ontem, dia 23, no D.O. do Município), estabelecendo a formação de seis Macrofunções: Políticas Sociais, Desenvolvimento Urbano, Gestão, Desenvolvimento Econômico Sustentável, Defesa do Cidadão e Comunicação.

O objetivo destas Macrofunções, que passam a vigorar em 1º de janeiro de 2005, é estabelecer uma nova estratégia administrativa afim de “dinamizar a nova gestão governamental do município”. De acordo com o decreto, o prefeito considera que algumas funções de governo só conseguirão a máxima produtividade e sinergia tomando decisões em comum.

Ficarão diretamente subordinadas ao vice-prefeito Otavio Leite a macrofunção Desenvolvimento Econômico Sustentável e a Funlar (Fundação Municipal Lar Escola Francisco de Paula), que reúne todas as atividades de integração em prol dos portadores de deficiência. A Macrofunção Desenvolvimento Econômico Sustentável reúne as secretarias de Trabalho e Renda, Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Turismo, Plano Estratégico e Meio Ambiente.

A decisão de antecipar a nova composição das Macrofunções foi ressaltada pelo vice eleito, Otavio Leite. “Trata-se de uma moderna estratégia administrativa que vai facilitar o entrosamento do PSDB e o meu, em especial com toda a equipe. Estou me aquecendo para entrar num trem, há anos em movimento”, disse Leite.

A informação foi dada pelo vice-prefeito eleito ontem, em almoço em comemoração do aniversário do jornalista Cláudio Magnavita, no Jockey Clube do Rio de Janeiro.