Seu browser não suporta JavaScript!

21/12/2013 | Portal do PSDB na Câmara

Segurança nas fronteiras será tema de audiência conjunta na Câmara em 2014

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado aprovou na última sessão deliberativa do ano, nessa terça-feira (17), requerimento de audiência pública conjunta com a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional para discutir políticas públicas específicas do atual governo para proteger as fronteiras nacionais e os crescentes problemas de segurança pública nas cidades brasileiras.

Como presidente da Comissão de Segurança, o deputado Otavio Leite (RJ) esteve sempre muito atento ao assunto, chegando a conhecer de perto a situação de duas fronteiras brasileiras – Ponta Porã (MS) durante a Operação Ágata 7 e Foz do Iguaçu – além de realizar uma audiência para debater o tema e cobrar do governo federal mais investimento para as regiões de fronteira e aprovar outros dois requerimentos de audiências que deverão ser realizadas em 2014.

Crítico contumaz da falta de investimento nas fronteiras, Otavio Leite demonstrou-se preocupado com o baixo investimento do Governo no setor. “O Brasil está cercado pelos maiores produtores de cocaína e maconha do mundo. É preciso que os países fronteiriços colaborem com a fiscalização para que haja maior efetividade no trabalho. É inaceitável, por exemplo, que a Bolívia não coopere com nosso país no combate ao crime”, criticou.

O Brasil possui quase 17 mil quilômetros de fronteiras, sendo mais de 7 mil km formados por fronteiras secas, abrangendo 11 estados e 588 municípios.