Seu browser não suporta JavaScript!

29/10/2003 | Jornal O Dia

Tucanos em polvorosa

O tempo continua quente nos poleiros do PSDB fluminense. Segunda-feira à noite, a tucanada voltou a se reunir, na sede do partido, para tentar chegar a um denominador comum em relação à candidatura para prefeito do Rio. Em vão. O deputado estadual Otavio Leite se nega a retirar sua candidatura em favor da colega Denise Frossard.

Cansada da polêmica, a ex-juíza e deputada federal mais votada no estado nas últimas eleições deu um ultimato ao partido. Disse que não pretende bater chapa na convenção. Caso Otávio insista mesmo em sua pré-candidatura, ela retirará seu nome em favor dele. O clima ficou tenso e o mal-estar pairou no ar durante toda a discussão. Nem mesmo a presença do líder máximo da legenda no estado, o ex-governador Marcello Alencar, apaziguou os ânimos.

Seja qual for o resultado da pendenga, uma coisa é certa: se continuarem nesse ritmo, os tucanos entrarão rachados o ano que vem. Além dos dois pré-candidatos, tem o secretário municipal de Saúde, Ronaldo Cezar Coelho, puxando a brasa para uma aliança pela reeleição de Cesar Maia.